Sindicato dos professores entrega pré-aviso de greve para os dias 22 e 23 de Novembro

Cidade da Praia, 08 Nov (Inforpress) – O Sindicato Nacional dos Professores (Sindep) entregou hoje, no Ministério da Educação e à Direcção Geral do Trabalho, o pré-aviso de greve nacional marcada para 22 e 23 deste mês, alegando o incumprimento das promessas por parte do Governo.

Em declarações à Inforpress, o presidente do Sindep, Jorge Cardoso, justificou que a decisão para a greve se deve ao não cumprimento dos compromissos por parte da tutela após várias negociações com o ministro da Educação, Amadeu Cruz, e que “não resultaram em nada”.

Lembrou que o ministro da Educação assumiu até Outubro apresentar um cronograma para a resolução das pendências, mas que até a data nada foi resolvido.

“A greve tem a ver com a não contemplação do reajuste salarial para com a classe docente de acordo com a inflação 2023/2024”, disse, Jorge Cardoso afirmando, por outro lado, que a greve abrange os professores de todos os níveis a nível nacional.

As reivindicações, neste momento, explicou, vão ao encontro da publicação do concurso e a data da realização do mesmo no Boletim Oficial, transição dos professores e licenciados não na área do ensino, reclassificação e subsídios pela não redução da carga horária de 2018 a esta parte.

Os professores, a nível nacional, realizaram uma manifestação no dia 18 de Outubro e prometeram na altura novas formas de lutas caso o Ministério de Educação não atendesse às suas reivindicações.

PC/ZS

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos