Santo Antão: Os dados apontam para a viabilidade de um aeroporto nesta ilha – ministro (c/áudio)

Porto Novo, 08 Jun (Inforpress) – Todos os dados que estão a ser recolhidos, há dois anos, por uma equipa multidisciplinar, coordenada pela ASA (Aeroportos e Segurança Aérea), apontam para a viabilidade de um aeroporto em Santo Antão, segundo garantias do ministro do Turismo.

José Gonçalves, que está de visita a Santo Antão, informou que a recolha vai durar, “pelo menos”, três anos e meio para ver qual a orientação da pista, que poderá ter 2.500 metros de extensão, mas os dados recolhidos, até agora, apontam para a exequibilidade dessa infra-estrutura aeroportuária.

O ministro do Turismo, que responde ainda pela pasta dos transportes, falava, sexta-feira, no encerramento do seminário internacional sobre o turismo sustentável, que se realizou, durante dois dias, no Porto Novo, Santo Antão, numa organização da Associação para a Defesa do Património de Mértola (Portugal), em parceria com o Governo, através do Fundo do Turismo.

“O Governo já se pronunciou sobre isso e não podemos fugir à essa realidade”, sublinhou José Gonçalves, afiançando que o Executivo vai “procurar recursos” para a construção do aeroporto de Santo Antão.

O Executivo garante estar a trabalhar com as câmaras municipais de Santo Antão e com o sector privado para “viabilizar” o aeroporto internacional de médio porte para esta ilha, que poderá representar um investimento a rondar entre 18 milhões a 20 milhões de euros.

O titular da pasta do turismo disse acreditar que, apesar do modelo do turismo mais apropriado para Santo Antão ser de cariz rural, o futuro aeroporto pode “despoletar” o turismo de massa de sol e praia, mais precisamente no Porto Novo, município com condições para tal, dadas as extensas praias de areias negras de que dispõe.

Aliás, no quadro do Fundo do Turismo, o Governo disponibilizou 11 mil para a requalificação da praia de Curraletes, a três quilómetros da cidade do Porto Novo, projecto já na fase de conclusão, que visa potenciar o turismo balnear, neste concelho.

Nesse âmbito, ainda este ano, deverão arrancar as obras de requalificação da baia do Tarrafal de Monte Trigo, onde se situa uma extensa praia de areia negra.

No âmbito dos estudos para construção do aeroporto de Santo Antão, além da recolha, por uma estação automática, dos dados atmosféricos relativos à pressão do ar, temperatura, humidade do vento e precipitações, foram, também, já realizados levantamentos orográficos.

JM/JMV
Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos