Representante de Cabo Verde junto da OMT diz que o encontro do Sal é de “grande importância” para o país (c/áudio)

Santa Maria, 29 Mar (Inforpress) – O embaixador de Cabo Verde em Madrid e acreditado junto da Organização Mundial do Turismo, Ney Cardoso, disse hoje que o encontro de ministros africanos dos Transportes e Turismo é de uma “importância transcendente” para o país.

Segundo ele, para um Estado pequeno como Cabo Verde, organizar um evento desta natureza é “muito importante”, porquanto, diz ele, há questões que estão a ser tratadas nesta primeira Conferência Internacional sobre o Turismo e Transporte Aéreo em África que terão impacto não só no desenvolvimento destes dois sectores no país, como também nos restantes estados africanos.

Na sua perspectiva, os transportes aéreos têm uma “importância capital” para o desenvolvimento do turismo.

No Sal, prossegue, está-se a tentar adoptar as “melhores práticas e as melhores formas” com vista a agilizar todo o processo para que os transportes aéreos em África sejam de facto um elemento da promoção do turismo.

Para Ney Cardoso, a conferência do Sal foi “muito bem preparada” e nota-se uma “colaboração muito boa” entre o Governo de Cabo Verde, a Organização Mundial do Turismo (OMT) e a Organização Internacional de Aviação Civil (ICAO-sigla em inglês).

“O importante é o que vai sair desta conferência, em termos da chamada Declaração Final”, auspicia o chefe da representação diplomática de Cabo Verde em Espanha, que acredita que a realização deste evento na cidade turística de Santa Maria vai catapultar o país para além-fronteiras, já que se trata de um encontro de “grande porte” em que participam os ministros dos Transportes e Turismo de África.

LC/ZS

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos