Presidente do Sindprof satisfeita com resultados da visita a Santo Antão (c/áudio)

Ribeira Grande, 10 Mai (Inforpress) – A presidente do Sindicato Democrático dos Professores (Sindprof), Lígia Herbert, manifestou-se satisfeita com resultados da visita que terminou hoje a Santo Antão, durante a qual manteve contactos com professores dos três concelhos da ilha.

“Conseguimos chegar em quase todas as escolas, ouvir os professores e sentir o pulsar das necessidades e dos anseios desta classe”, disse Lígia Herbert em declarações à Inforpress, acrescentando que leva na bagagem “todas as preocupações” dos professores santantonenses.

O subsídio pela não redução da carga horária, a não tributação no Ensino Básico, a progressão na carreira tendo em conta a existência de professores que há muitos anos se mantêm no mesmo escalão são algumas das preocupações identificadas por Lígia Herbert durante esta visita.

Lígia Herbert cita casos de professores que se mantêm no escalão 1A há vários anos, auferindo um salário mínimo e vão para a reforma sem uma única mudança de escalão e, por isso, “o sindicato está preocupado porque não sabe como é que esses professores sobrevivem”.

“Estamos extremamente preocupados com a situação da classe em Santo Antão”, disse Lígia Herbert acrescentando que “os professores de Santo Antão sentem-se afastados do resto das ilhas porque não estão a ver os seus problemas resolvidos”.

HF/CP

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos