Porto Novo: Edilidade intensifica programa de reabilitação de habitação em 2024 com investimento de 24 mil contos

Porto Novo, 24 Out (Inforpress) – O programa de reabilitação de habitações no município do Porto Novo vai ser intensificado a partir de 2024, período em que a edilidade prevê investir quase 24 mil contos no restauro de casas degradadas.

A informação foi avançada hoje pela edilidade que se regozijou com a retoma, a partir do próximo ano, do programa de reabilitação, requalificação e acessibilidades (PRAA), na vertente reabilitação de habitações, que vai permitir intensificar as intervenções nas residências degradadas das famílias de fracos recursos.

Dados avançados pela autarquia dizem que entre 2017 e 2023 foram recuperadas 1.560 casas degradadas em todo o município do Porto Novo, num investimento de cerca de 136 mil contos, tendo sido atribuídos ainda 10 apartamentos do complexo casa para todos as famílias dos grupos I e II do cadastro social único.

Para 2024, o executivo camarário pretende, com o financiamento do PRRA, investir quase dez mil contos no restauro de habitações, esperando receber ainda do Governo mais quatro mil contos no âmbito do programa Regeneração do Habitat.

Através do programa “Isdób compô bô casa”, a cargo da edilidade, estão previstas intervenções na ordem dos dez mil contos

O perfil habitacional do Porto Novo diz que mais de três mil casas neste concelho estão em condições “muito degradadas”, com tectos prestes a ruir, pondo em risco a vida das pessoas.

A autarquia diz ter em preparação um plano municipal de habitação para responder aos desafios que se colocam a este sector, designadamente, em relação à substituição de tectos de casas degradadas.

JM/HF

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos