Porto Novo: Demora na criação da biblioteca municipal preocupa agentes culturais

Porto Novo, 05 Jan (inforpress) – O atraso na criação da prometida biblioteca municipal, no Porto Novo, Santo Antão, está a preocupar os agentes culturais portonovenses, que têm, insistentemente, reivindicado esse espaço, aguardado há quase três décadas.

Além dos agentes culturais, os estudantes têm vindo, também, a reclamar a construção da biblioteca municipal, uma infra-estrutura que, no seu entender, deixa muita falta à classe estudantil.

Em resposta, a câmara do Porto Novo garante estar a criar as condições para dotar este município de uma biblioteca, cuja inauguração se previa, inicialmente, para Setembro de 2019.

O projecto está a ser implementado, segundo a edilidade, que informou que a biblioteca vai funcionar num espaço anexo ao centro comercial, na cidade do Porto Novo, que está a ser preparado para o efeito.

Na implementação do projecto, a autarquia conta com a parceria da associação portuguesa Take C’ Air, Crew Volunteers, uma organização que integra pilotos e assistentes de bordo da companhia área portuguesa, TAP, que, no início de 2019, fez uma primeira doação de livros ao município do Porto Novo.

A criação da biblioteca faz parte de uma série de projectos culturais que a câmara do Porto Novo tem previsto para 2020, da qual se destaca ainda um centro de artes e oficiais, cujas obras estão concluídas, e o museu das romarias, que ficará pronto em Junho próximo.

JM /JMV

camara municipal porto novo

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos