Missão médica francesa realiza 18 cirurgias laparoscópicas no Hospital Agostinho Neto

Cidade da Praia, 07 Jun (Inforpress) – Uma missão médica francesa, composta por quatro profissionais, realizou durante duas semanas, 18 cirurgias laparoscópicas no Hospital Agostinho Neto (HAN), com o objectivo de capacitar os cirurgiões desta instituição no domínio da cirurgia minimamente invasiva.

A informação foi avançada hoje à imprensa, pelo o director clínico do HAN, Victor Costa, explicando que durante as duas semanas foram realizados dois a três casos de cirurgias por via de mínimo acesso, isso para “permitir a qualidade e o tempo suficiente das intervenções”.

De acordo com o responsável, esta é a terceira missão que chega ao arquipélago, o que tem contribuído para a melhoria dos cirurgiões do HAN nas intervenções de laparoscopia avançada.

“Participaram todos os cirurgiões do hospital, enfermeiros do bloco operatório, um cirurgião da ilha do Fogo, além de toda a equipa da missão, completando um total de 16 profissionais durante duas semanas.

O chefe da missão francesa, François Lagartriere, fez balanço positivo da participação em Cabo Verde, considerando que os cirurgiões do hospital “estão preparados para actuar nestes tipos de cirurgias”.

Conforme ajuntou, essas acções irão proporcionar uma melhor qualidade de prestação de cuidados, contribuindo para a poupança de recursos financeiros locais, como consequência a redução das evacuações externas.

Para além da vertente assistencial relacionada com a capacitação dos cirurgiões, a missão pretende, em colaboração com o Ministério da Saúde, criar uma escola de formação de técnicos de anestesia com o objectivo de colmatar as deficiências nesta área.

HR/CP

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos