Fogo: Avarias em dois grupos geradores da central única ditam corte e racionalização no fornecimento de energia

São Filipe, 12 Out (Inforpress) – O fornecimento de energia eléctrica, a nível da ilha, está sendo feito de forma racionalizada desde a noite do dia 10 de Outubro, na sequência de avarias graves registadas em dois grupos de geradores da central única.

Na cidade de São Filipe, há bairros que estão sem energia há pelo menos 24 horas, mas a racionalização estende-se a vários bairros e às localidades do interior dos três municípios da ilha do Fogo, e em todos os casos de forma prolongada.

Segundo uma fonte da Electra, as avarias registadas são de “alguma gravidade” e hoje devem chegar à ilha técnicos da empresa para apoiar a equipa local a resolver, o quanto antes, as avarias.

Até à resolução deste problema o fornecimento de energia eléctrica aos três municípios da ilha continua a ser racionalizada e com cortes programados e prolongados.

As várias tentativas para contactar o responsável da Electra na ilha para saber se há uma previsão para a resolução dos problemas não resultaram.

Com relação ao fornecimento de água, que depende, em parte, do fornecimento de energia eléctrica às estações de bombagens e elevatórias, ainda não há roturas, mas se mantiver a situação poderá afectar o abastecimento de água para consumo humano e para agricultura.

JR/ZS

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos