Encontro Internacional discute inclusão, interculturalidade e inovação pedagógica

Cidade da Praia, 25 Out (Inforpress) – A presidente da Faculdade de Educação e Desporto disse hoje que a Uni-CV com a suas pesquisas e teses de mestrado têm, em termos práticos, contribuído para o debate e avanço da inclusão, interculturalidade e inovação pedagógica.

Aleida Furtado falava à Inforpress sobre a XII Encontro Associação Internacional de Inclusão, Interculturalidade e Inovação Pedagógica (AIIIIPe) que se realiza de hoje a sexta-feira, 27, no Campus de Palmarejo, no formato híbrido e com a participação de investigadores e educadores de países como Brasil, Portugal e Espanha. para discutir e refletir sobre temas ligados à inclusão, interculturalidade e inovação pedagógica.

“Com este evento estamos a organizar o décimo segundo encontro da AIIIIPe que visa promover e divulgar conhecimentos dos conceitos acima referidos de forma a auxiliar a sociedade e promover investigações e discussões a nível das universidades que fazem parte da associação”, declarou Aleida Furtado.

Neste âmbito, questionada se os debates sobre os temas estão a resultar na prática, Aleida Furtado realçou que as políticas do Governo apontam para a uma “maior inclusão” e que as universidades, preocupadas com estes conceitos, têm estado a trabalhar a nível de formação de professores e de organização de eventos para promover maior conhecimento a estes níveis.

Reconheceu que, apesar dos vários esforços para o desenvolvimento destes conceitos, mais ainda precisa ser feito e avança que a Uni-CV quer dar a sua contribuição para uma melhor inclusão, interculturalidade e inovação pedagógica.

Para isso, afirmou que a Uni-CV tem vindo a trabalhar, sobretudo a nível de cursos de mestrados e de graduação, tendo os estudantes contribuído com trabalhos sobre estas matérias.

“Temos também realizado vários encontros e trabalhos que tem permitido inclusão para pessoas com problema visual, deficiência intelectual e autismo”, ressaltou, sublinhando que o encontro vai ser um “momento importante” de partilha dos temas em debate.

Durante o encontro serão articulados quatro eixos temáticos desdobrados em oito mesas, com a participação de palestrantes nacionais e internacionais, que abrangem a relação entre autonomia universitária e soberania nacional, até questões de direitos humanos e inclusão social.

Consta ainda do programa mesas-redondas sobre políticas de inclusão, inovação pedagógica na formação de professores e o papel das mulheres na educação e na ciência.

O XII Encontro Internacional da AIIIIPe visa proporcionar uma plataforma para ampliação de discussões, promover o intercâmbio de conhecimentos e fomentar redes colaborativas nacionais e internacionais, alinhadas com os objetivos de inclusão e inovação pedagógica.

A AIIIIPe foi instituída em 2021, durante o X Encontro do Observatório Internacional de Inclusão, Interculturalidade e Inovação Pedagógica, com o propósito de promover debates e iniciativas voltadas para a inclusão e inovação no campo educacional.

PC/AA

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos