Covid-19: Utilização de máscaras obrigatória a todos os serviços de atendimento ao público

Cidade da Praia, 27  Abr (Inforpress) – O Governo aprovou o decreto-lei que estabelece a  utilização de mascaras e todos os serviços de atendimento público,  enquanto medida de protecção adicional ao distanciamento social, a higiene das mãos e a etiqueta respiratória.

De acordo com o Boletim Oficial (BO) de 25 de Abril, as medidas previstas têm natureza provisória e entendem-se como necessárias a assegurar um “elevado nível de protecção” da saúde comunitária.

No documento, consideram-se actividades cuja realização e o acesso abriga a utilização de mascaras faciais todas aquelas que impliquem contacto com 0 público, nomeadamente nos sectores da saúde, educação e transportes, sejam marítimas, aéreos ou terrestres.

Constam ainda nesta lista os bancos, portos e aeroportos, hotéis, serviços de restauração, comércio e indústria, bem como culturais, desportivas e recreativas.

“A obrigatoriedade de utilização de mascaras faciais aplica-se particularmente aos trabalhadores dos sectores públicos e privados cujas funções implicam um contacto directo com 0 público, assim como aos utentes e clientes desses serviços”, lê-se no BO.

Quanto às instituições públicas e privadas, serviços públicos e administração central e local, devem disponibilizar no local de trabalho, de forma gratuita, materiais de higiene, designadamente sabonete líquido ou sabão em barra, álcool 70 por cento (%) e 96% de álcool gel.

“Às empresas privadas e demais estabelecimentos comerciais e de indústria são aplicáveis coimas, por incumprimento das normas, que se fixam entre quinze mil escudos a quinhentos mil escudos”, de acordo com a mesma fonte.

O Governo alertou ainda para a necessidade de as pessoas mais vulneráveis, nomeadamente com mais de 65 anos, com doenças crónicas e estados de imunossupressão usarem máscaras cirúrgicas sempre que saírem de casa.

Cabo Verde conta com 109 pessoas infectadas com o novo coronavírus, sendo  55 na  ilha de Santiago (dos quais 52 no concelho da Praia, dois no concelho do Tarrafal, um em São Domingos), 53 na Boa Vista e um em São Vicente.

Do total dos 109 casos confirmados, constam dois recuperados e um óbito.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 200 mil mortos e infectou mais de 2,9 milhões de pessoas em 193 países e territórios.

Perto de 800 mil doentes foram considerados curados.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detectado no final de Dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

HR/AA

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos