Covid-19/Tarrafal de Santiago: Autarquia reforça medidas cautelares para prevenção do novo coronavírus

Tarrafal, 23 Abr (Inforpress) – O presidente da Câmara Municipal do Tarrafal garantiu esta quarta-feira que juntamente com todos os seus parceiros a autarquia tem reforçado as medidas cautelares após o aparecimento do primeiro caso positivo do novo coronavírus no município.

José Pedro Nunes Soares deu esta garantia, esta quarta-feira, em entrevista ao programa “Especial Covid-19” da Rádio de Cabo Verde (RCV), informando que “a principal preocupação e o grande desafio, tem que ver com a saúde e a vida das pessoas”.

De acordo com uma nota publicada na página do Facebook da edilidade tarrafalense, com uma “forte preocupação”, o autarca assegurou que já foram reforçadas as acções de sensibilização e acima de tudo a segurança no reforço dos efectivos da Polícia Nacional, de modo a fazer com que as pessoas cumpram com as orientações, que evitem o contacto e que permaneçam em isolamento.

Informou ainda que já houve o reforço do pessoal médico na Delegacia de Saúde desse município do interior de Santiago, para que se possa estancar o contágio bem como a preocupação dos munícipes relativamente a este assunto.

José Nunes Soares avançou que através de uma operação conjunta com a Delegacia de Saúde, Polícia Nacional, Cruz Vermelha, Proteção Civil e Bombeiros as pessoas que tiveram contacto com o primeiro caso positivo já foram identificadas e já se encontram confinadas num espaço hoteleiro no concelho.

“Até terça-feira 15 pessoas que possivelmente tiveram contacto com o primeiro caso já se encontravam em isolamento obrigatório numa unidade hoteleira do concelho”, declarou, assegurando que “todas as condições mínimas já foram criadas” para que as pessoas possam permanecer em quarentena domiciliar.

Na ocasião, o chefe do executivo municipal apelou à seriedade das pessoas, à confiança nas autoridades e, acima de tudo, ao cumprimento das orientações das autoridades sanitárias.

Em Santiago Norte, os outros cinco municípios que compõem a região – Santa Catarina, São Salvador do Mundo, São Lourenço dos Órgãos, Santa Cruz e São Miguel  – têm em marcha as medidas de prevenção e sensibilização no âmbito do plano de contingência nacional e controlo da covid-19.

Também na região, todos os serviços das câmaras municipais continuam encerrados, estando a funcionar somente os serviços “essenciais”, mormente a Protecção Civil, a Delegacia de Saúde e os mercados municipais, mas com número reduzido de vendedeiras.

FM/CP

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos