Covid-19/Brava: Polícia apela cidadãos a cumprirem as normas do Estado de Emergência

Nova Sintra, 04 Abr (Inforpress) – O comandante da esquadra policial da Brava, Higor Almeida, apela à população bravense a cumprir a lei, pois como fiscalizadores das normas, não vão “aceitar e nem facilitar ninguém”.

Higor Almeida fez este apelo em declarações à Inforpress, ao informar que nesta sexta-feira detiveram mais três indivíduos do sexo masculino, ambos residentes em Nova Sintra, por “violação” das normas e regras estabelecidas na lei 36/2020 de 28 de Março, que rege o Estado de Emergência no país.

De acordo com a fonte policial, foi feita uma denúncia telefónica informando que os três indivíduos encontravam-se numa mercearia a consumir bebidas alcoólicas e os efectivos da Polícia Nacional se deslocaram ao local para constatar a veracidade dos factos.

À Inforpress, o comandante da esquadra explicou que ao chegarem no local abordaram os indivíduos e questionaram-lhes se tinham conhecimento da actual situação do Estado de Emergência que o país está a viver e ambos responderam que sim.

“Demonstraram que estavam conscientes das medidas de restrições estabelecidas na lei e que simplesmente não querem cumprir”, realçou o responsável.

Perante tal situação, Higor Almeida avançou que foi decretada voz de prisão aos indivíduos, que foram conduzidos à esquadra policial e serão apresentados ao Ministério Público este sábado.

Realçou que como é de costume a esquadra policial fez a sensibilização antecipada, no sentido de levar informação a todos os cidadãos da ilha.

O comandante aproveitou para apelar a todos a cumprirem a lei, deixando claro que não vão “facilitar” ninguém como fiscalizadores da lei.

“Estamos aqui para cumprir e fazer cumprir, e quem não acatar irá arcar com as consequências”, finalizou.

De salientar que na quinta-feira, foi detido também um indivíduo do sexo masculino na localidade de Lém pelos mesmos motivos.

MC/ZS

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos