Cabo Verde está a afirmar-se a vários níveis como plataforma especializada de organização de eventos desportivos – Governo (c/áudio)

Porto Novo, 16 Jul (Inforpress) – Cabo Verde está a afirmar-se, a diversos níveis, como “plataforma especializada de organizações de eventos desportivos de natureza vária”, registando-se já, nesse aspecto, resultados que ultrapassam as expectativas, segundo o secretário de Estado Adjunto do Ministro do Desporto.

Carlos do Canto Monteiro, que falava, hoje, na cidade do Porto Novo, na apresentação de Cabo Verde Triangle Trail, considerou que o Governo está a cumprir “uma das prioridades” traçadas para esta Legislatura de “situar Cabo Verde como uma plataforma especializada de organização de eventos desportivos”.

De entre os eventos já realizados no país, nesses últimos anos, o governante destacou as duas etapas de ‘katesurf’ e dos jogos africanos de praia, ambos eventos realizadas na ilha do Sal, além do afrobasket sub-16, o que demonstra que esse desiderato tem tido “resultados de forma mais acelerada” em relação aquilo que o Governo, inicialmente, previa, avançou.

Já em Outubro, Cabo Verde recebe o campeonato africano de clubes de andebol feminino e o pais acaba de ganhar a candidatura para a organização do campeonato de andebol de África, em 2024.

“É de facto, um número razoável de eventos já realizado e por realizar e que demonstra a confiança que África tem depositado na capacidade organizativa de Cabo Verde”, notou Carlos Monteiro.

Cabo Verde Triangle Trail, que decorre de 24 a 30 de Outubro, é um produto desportivo e turístico, em forma de circuito de “trail run”, composto por três etapas, que serão realizadas nas ilhas de Santiago, Fogo e Santo Antão.

Esse evento, segundo o secretário de Estado Adjunto do ministro do Desporto, combina dois sectores “essenciais para o desenvolvimento e afirmação” do arquipélago – o desporto e o turismo, contribuindo para a diversificação da oferta turística no país.

A organização do Cabo Verde Triangle Trail está a cargo da empresa “In Totum”, com “vasta experiência” na realização de eventos desta natureza, segundo Carlos Monteiro, realçando o facto de estarem já inscritos para este certame “dezenas” de participantes portugueses, franceses e espanhóis.

Os participantes vão percorrer as três ilhas, sempre em parques naturais, ou seja, em Serra Malagueta (Santiago), Serra da ilha do Fogo e no parque natural de Cova/Ribeira da Torre/Paul (Santo Antão), cujos percursos podem ir dos dez a 33 quilómetros, por etapa.

JM/CP

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos