Boa Vista: Juventude e Africa Show “de olhos postos” na Super Taça “Djô Brokô” que inaugura época futebolística 2023/24

Sal Rei, 04 Nov (Inforpress) – Os treinadores de Juventude Clube do Norte João Galego e Sport Clube África Show mostram-se confiantes em ganhar a Supertaça Agnelo Lima “Djô Brokô”, hoje no estádio Arsénio Ramos, em jogo que marca início oficial da época futebolística 2023/24.

Estas informações foram asseguradas à comunicação social pelos treinadores das duas equipas, Juventude e pela finalista da Taça da Boa Vista, África Show, que “almejam levar para casa” a Supertaça que este ano é em homenagem a Agnelo Lima, “Djô Brokô” pela contribuição dada ao futebol na Boa Vista.

O treinador da Juventude Clube do Norte João Galego, Luís Neves, assegurou que, “a Supertaça está ‘in’”, e a equipa está “preparada para conseguir ganhar este primeiro título do ano”.

Questionado sobre o que se poderá esperar da Juventude para o jogo de hoje, o treinador respondeu que prepara os jogadores sempre para uma intensidade de jogo a que os adeptos e simpatizantes estão habituados, isto é, precisou, para um “bom” jogo.

“Não gostamos de jogar um jogo morno, mas sim com calor dentro do campo, fairplay, emoção e vivemos os jogos que serão encarados desta forma para entrar forte e duro para vencer os jogos”, perspectivou, informando que “a equipa fez cerca de três semanas de treino para mais um ano de luta, de trabalho e boa vontade”.

Luís Neves analisou o adversário como sendo boa equipa que fez o seu trabalho de reforço do plantel, bem como a Juventude que igualmente indicou que, teve mudanças com montagem de 90% do plantel com jogadores que encaixam no perfil do clube, e reforço de outros dos quais havia falta em alguns sectores, e nesta óptica defendeu que o que prevalece é a ideia de jogo, e que dentro do campo ganha quem for mais forte.

Na mesma linha de ideias, o treinador de África Show, Marley Monteiro, disse que está à espera de uma equipa diferente do ano passado, tendo em conta que na base preparou um plantel para esta época com alguns reforços de acordo com a análise que tem vindo a fazer da equipa que realizou reposições cruciais.

“Tivemos cerca de um mês de treinos tácticos e com bola. Estamos a dar muita importância a este troféu. Nós também queremos fazer um bom jogo para vencer esta competição e ganhar a Supertaça e desta forma começar da melhor maneira a época de futebol”, afirmou, perspectivando uma “boa” disputa e que na final vença a equipa que jogar melhor.

Analisando a equipa adversária como sendo “boa e forte”, algo demonstrado no ano passado com jogadores fisicamente bem preparados, Marley reiterou, entretanto, que a sua equipa está confiante e darão o máximo para o que os adeptos aguardam, que é levar o troféu para casa, localidade do Rabil.

VD/ZS

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos